DAX 40 – continuidade de vendas após um rompimento de baixa

30 de Abril, 2022 por Timothy Fairweather

Visão Geral do Mercado: Índice DAX 40 Futuro

O DAX futuro se moveu para baixo no mês passado com continuidade de vendas abaixo de um rompimento de baixa. Está no modo “sempre vendido” no gráfico diário, mas os vendedores falharam de conseguirem barras de baixa consecutivas na semana passada, parece possível que o mercado comece a andar lateral. Os compradores encontraram um suporte após uma longa tendência e nós estamos próximos de 3000 pontos de distância da altura onde foi a última reversão. Podemos esperar compradores escalando aqui e mais abaixo.

Índice DAX 40 Futuro

Gráfico mensal do DAX

  • O DAX 40 fez uma barra interna com sombras razoáveis acima e abaixo. Houve uma barra surpresa de baixa em Fevereiro e continuidade em Abril então é provável que estamos em modo “sempre vendido”. Traders esperam negociação para baixo para o próximo mês;
  • Para os vendedores, é um canal estreito de baixa e um rompimento de baixa abaixo de uma lateralidade estreita e um movimento projetado que foi completado este mês;
  • Eles viram que a barra de gap de média móvel foi comprada, mas não conseguiu fechar acima da média móvel então eles esperam preços mais baixos;
  • Para os compradores é um pullback em um canal amplo de alta. Eles veem que estamos pousados acima do rompimento anterior de Janeiro de 2021 o qual pode apoiar um fundo duplo para uma retomada da tendência de longo prazo;
  • Os vendedores podem ver isso como uma falha de rompimento acima da lateralidade e agora está retornando de volta para dentro do range;
  • Se você estiver vendendo, as barras estão grandes então os stops estão longe e o risco é maior. Sombras no fundo das barras irão manter os vendedores scalpeando impedindo que estejam vendendo no fundo de uma potencial lateralidade;
  • Com duas barras de scalp de baixa e completado o movimento projetado, a barra de Abril tem sombras abaixo o qual evitará que vendedores vendam até que tenhamos um movimento mais para cima;
  • Com magnetos acima (lateralidade estreita anterior) e magnetos abaixo (resistência anterior) é provável que iremos lateral e para baixo até que os traders tomem uma decisão;
  • Os compradores querem uma H1 acima de Abril, o qual eles poderão conseguir agora que o movimento projetado foi concluído. Uma barra interna em Maio ou uma continuidade do setup H1 em Junho/Julho. Mas é provável que tenhamos vendedores acima apostando que a tendência ainda não tenha terminado, os compradores podem estar próximo das mínimas de Março;
  • Os vendedores querem mais barras de baixa. Se eles conseguirem fechar mais baixo formar uma consecutiva barra de baixa no mensal isto os levará a média móvel mensal de 50. Eles veem o primeiro teste do rompimento como uma falha e provavelmente irão procurar por uma segunda perna com alguma sustentação de compra;
  • Se os vendedores conseguirem mais uma barra de baixa nós podemos ter um clímax para baixo de um movimento projetado de Fevereiro. Isto é próximo da média móvel mensal de 50 do suporte anterior e próximo da mínima de Março. Uma vez que os vendedores realizarem lucros nesta região, os compradores irão esperar um setup como um fundo duplo e uma possível reversão majoritária de tendência com mínima mais alta;

Gráfico diário do DAX

  • O DAX 40 teve uma barra de baixa fechando em sua mínima na sexta feira então poderemos abrir com um gap de baixa na segunda. A média móvel de 20 períodos foi rejeitada pela segunda vez;
  • Nós negociamos mais baixo na última semana, mas os vendedores falharam de conseguirem mais de duas barras consecutivas de baixa. Al Brooks fala que quando há algo errado com a tendência é provável que seja uma perna dentro de uma lateralidade;
  • Foi acionado uma L1 abaixo do dia 21 de Abril e um ombro cabeça ombro de venda abaixo do dia 22 de Abril o qual os dois permanecem ativos. Mas o mercado tem sido majoritariamente de negociação de ordens limitadas o qual significa que provavelmente estamos em uma lateralidade ou entraremos em uma muito em breve;
  • Os compradores veem duas pernas de correção de um canal estreito, três puxadas para cima até o dia 29 de Março. É provável que esta semana tenha terminado a segunda perna então compradores irão comprar abaixo de barras. Eles veem a grande barra de baixa da segunda feira como um possível clímax de venda e uma falha do padrão de ombro cabeça ombro;
  • Os compradores veem um possível fundo duplo com o dia 9 de Março e irão procurar escalar mais abaixo;
  • Os vendedores veem um canal amplo de baixa com mais uma rejeição da média móvel de 20 períodos e com uma L1 e L2 ainda ativas, nós estamos em modo sempre vendido;
  • Os vendedores querem uma continuidade de vendas na Segunda/Terça feira para fechar abaixo da mínima da semana passada para conseguirem a terceira puxada para baixo até a mínima de Março;
  • É possível que ambos fiquem desapontados e que o mercado ande lateral. Os vendedores podem conseguir uma barra de baixa mas semana passada fechou como uma barra interna ou seja compradores compraram;
  • O Micro fundo duplo pode parecer forte, mas é mais provável mais vendedores acima na média móvel apostando que o canal continuará para baixo dentro da lateralidade;
  • Se os compradores conseguirem evitar que os vendedores atinjam seus objetivos nós podemos esperar que ambos comecem a comprar criando uma forte reversão;

* Esta tradução livre para o português tem fins exclusivamente didáticos, foi autorizada por Al Brooks e não pode ser reproduzida ou utilizada de nenhuma forma sem autorização expressa do autor ou editor, exceto para uso em citações breves e desde que com a devida citação da fonte em sua reprodução. O texto original em inglês pode ser encontrado no seguinte link do website do autor: https://www.brookstradingcourse.com/analysis/dax-40-bear-breakout/

Tradução: Luísa Fajardo (Aluna do Treinamento ao vivo)

Copyright © 2021 de Al Brooks Todos os direitos reservados. Este artigo ou qualquer parte dele, assim como qualquer mídia relacionada, não pode ser reproduzido ou utilizado de nenhuma forma sem autorização expressa, do autor ou editor, exceto para uso em citações breves, com a devida citação da fonte. O uso não autorizado configura crime.

 

Deixe um comentário